Curso

Administração de Vacinas e Medicamentos Injetáveis, inicial

Local Datas Obs./Horário Inscrição

Cooprofar, Gondomar

8 de maio de 2024

Das 14h às 21h

Cooprofar, Gondomar

22 de maio de 2024

Das 14h às 21h

Destinatários

O curso destina-se a Farmacêuticos que exerçam a sua atividade me Farmácia de Oficina.

Objetivos gerais

No final da formação o formando deverá ser capaz de:
- Compreender e comunicar os conceitos fundamentais de imunologia subjacentes à vacinação
- Caraterizar os tipos de vacinas, esquemas de vacinação, vias de administração e sua adequação ao público-alvo
- Descrever contra-indicações, precauções especiais e condições de armazenagem de vacinas e medicamentos.
- Caraterizar os grupos terapêuticos a administrar por via injetável, vias de administração e sua adequação ao público-alvo.
- Conhecer a legislação e Boas Práticas Farmacêuticas aplicadas à vacinação mantendo o serviço de vacinação e administração de injetáveis dentro das normas e requisitos legais em vigor
- Planear o serviço de vacinação para ser efetuado dentro das máximas condições de segurança para o doente e profissional de saúde
- Aplicar os procedimentos adequados em caso de reação adversa
- Dominar as técnicas e equipamentos adequados ao suporte básico de vida
- Comunicar adequadamente informação relevante, adaptada a cada caso e promotora de confiança no ato que pratica
- Demonstrar o domínio das técnicas de preparação e administração de vacinas e ou medicamentos injetáveis.

Conteúdos Programáticos

- Conceitos básicos de Imunologia aplicados à vacinação
- Plano Nacional de Vacinação (PNV) – definição, âmbito, conteúdo
- Vacinas não incluídas no PNV
- Classificação geral, segurança, contra-indicações e precauções
- Vacinação Covid-19: Comirnaty Omicron XBB.1.5
- Classificação geral, segurança, contra-indicações, precauções e preparação
- Conservação e armazenamento
- Administração de medicamentos injetáveis – equipamento, preparação dos fármacos, preparação do doente, procedimentos de segurança
- Legislação e Boas Práticas Farmacêuticas aplicadas à vacinação e medicamentos injetáveis
- Segurança na administração de vacinas e medicamentos injetáveis
- Condições de armazenagem das vacinas e medicamentos injetáveis
- Como planear um serviço de administração de vacinas e medicamentos injetáveis
- Principais Reações Adversas e sua prevenção – reação vagal, reação alérgica/choque anafilático
- Choque anafilático – definição, sinais, sintomas e algoritmo de atuação
- Equipamento de emergência e sua aplicação
- Administração de injetáveis – equipamento, preparação dos fármacos, preparação do doente, procedimentos de segurança
- Via intramuscular - definição, locais, técnica, volumes recomendados, complicações
- Via subcutânea - definição, locais, técnica, volumes recomendados, complicações
Demostração e Prática 1
- Como proceder no caso de reação vagal e reação alérgica/anafilática.
Demostração e Prática 2
- Demonstração e prática das diferentes técnicas de administração de injetáveis
Avaliação Prática - Contínua durante o curso
- Esclarecimento de dúvidas e questões relacionadas com a prática e os conceitos abordados
- Avaliação Sumativa (teste de múltipla escolha)
- Inquérito de avaliação de satisfação da ação e dos formadores
Encerramento

Metodologia

É uma abordagem ao conhecimento (teórica e prática) que tem o objetivo de considerar pontos de vista e perspetivas múltiplas.
Método Demonstrativo, material – manequim “task-trainer” de injetáveis, material para administração de injetáveis.
Método ativo - 2 bancas de treino, material – manequim “task-trainer” de injetáveis, manequim/simulador de deltoide e tríceps, material para administração de injetáveis.

Orador(es)

Dra. Rita Resende | Dra. Raquel Fernandes - Licenciadas em Medicina, com Especialidade em Anestesiologia

Condições de Frequência e Certificação

A totalidade da ação

Termos e Condições:

    Inscrição

    A inscrição pressupõe o conhecimento e aceitação das condições de participação.

    A inscrição é efetiva a partir do momento que seja submetida online no nosso site (não aceitamos inscrições provisórias).

    Caso tenha dificuldades na inscrição online, envie-nos um e-mail para formacao@cooprofar.pt

    A confirmação do curso é formalizada pela Cooprofar através de email ao cliente/participante, após receção do comprovativo de pagamento.

    As inscrições são aceites por ordem de chegada.

    Todas as ações de formação realizam-se com um número mínimo de participantes. O número de inscrições está limitado às vagas existentes.

    Só serão consideradas válidas as inscrições que forem confirmadas por e-mail pelo Departamento de Formação da Cooprofar.

    A utilização do serviço de Formação Online pressupõe que o formando:

    Dispõe de acesso a um computador, tablet, smartphone com ligação à Internet, câmara e microfone para chats e videoconferências.

    Dispõe de um browser (programa para navegar na web), como o Microsoft Edge, Firefox ou Google Chrome

    O formando é responsável por todos os custos associados com o equipamento informático e ligação à Internet, nomeadamente os custos em que possa incorrer para estabelecer e utilizar uma ligação à Internet, assim como os custos das reparações técnicas e a impressão dos materiais pedagógicos.

    A Cooprofar não se responsabiliza pelos problemas de natureza técnica como, por exemplo, avarias no computador, problemas com firewalls, problemas de acesso à Internet, entre outros.

    Pagamento

    Até 2 dias úteis após efetuar a inscrição na ação de formação, por transferência bancária e envio do comprovativo do pagamento para o e-mail formacao@cooprofar.pt mencionando o curso e o nome da entidade ou participante.

    Os valores apresentados já incluem IVA

    Cancelamentos

    Pelos formandos, exclusivamente por escrito, para formacao@cooprofar.pt

    A Cooprofar aceita o cancelamento de inscrições até 7 dias úteis antes da data de início da ação, sem qualquer custo para o cliente/formando.

    Os cancelamentos de inscrições verificadas após essa data e até 48 horas da data da realização da formação darão origem ao pagamento de 20% do valor da ação.

    A desistência na véspera ou no próprio dia implica o pagamento de 100% do valor da ação.

    São permitidas as substituições de formandos, devendo o cliente/formando comunicá-las por escrito, 48h, antes do início da ação.

    Certificados

    Será emitido um Certificado de Presença sempre que assiduidade for igual ou superior ao número de horas de cada ação.




© 2024 COOPROFAR